Dica, Quantum

Veja como recalibrar a bateria do smartphone

As baterias de nossos smartphones são componentes extremamente sofisticados, monitoradas constantemente por complexos circuitos que controlam todos os aspectos de seu funcionamento, como carga, descarga e monitoramento da capacidade. Mas como em todo sistema complexo, às vezes as coisas não funcionam como deveriam. O resultado é uma bateria que descarrega rápido demais, fica “travada” em um determinado percentual por horas a fio ou cuja carga flutua loucamente ao longo do dia. Quando isso acontece, recalibrar a bateria do smartphone pode ser uma solução. É um procedimento simples, que pode economizar uma visita à assistência técnica. Veja como fazer.

Passo-a-passo para recalibrar a bateria do smartphone

Recalibrar a bateria do smartphone pode ser uma solução nos casos em que o aparelho desliga sozinho mesmo indicando carga restante (especialmente se acima de 10%), se a bateria subitamente começa a durar muito menos que o normal ou se, sem explicação, a bateria “recarrega” rápido demais (por exemplo: se antes levava duas horas e agora apenas 15 minutos).

Para fazer o procedimento você vai precisar do cabo e carregador, de preferência os originais, e um pouco de tempo. Aí é só seguir estes passos.

  1. Use seu smartphone normalmente até que a carga da bateria chegue a 10%. Você pode usar o método que quiser para “descarregar” ela mais rapidamente: jogue um jogo, faça uma maratona de Netflix, qualquer coisa vale.
  2. Quando a carga chegar aos 10%, desligue o celular.
  3. Com o aparelho desligado, conecte-o ao carregador. Deixe ele carregando desligado até o indicador na tela mostrar 100% de carga.
  4. Refaça os passos 1 a 3 mais uma vez.
recalibrar a bateria do smartphone
Um smartphone desligado, recarregando a bateria

A partir daí é só usar o smartphone normalmente. Se os sintomas persistirem, pode ser que a bateria esteja com problemas ou no fim de sua vida útil, especialmente se seu smartphone tem 2 anos de uso ou mais.

Nesses casos, recomendamos que entre em contato com a equipe de suporte técnico da fabricante de seu smartphone. Se ele é um Quantum, visite a página servicos.meuquantum.com.br/suporte, ou ligue para 3004-2244 (Capitais e Região) ou 0800 777 2244 (Demais localidades). O atendimento é de segunda à sexta das 9hs às 20hs e aos sábados das 9hs às 14hs.

Photo credit: James Almond via Visual hunt / CC BY-SA

14 Comments

  1. A bateria do Quantum fly é a pior bateria celular q eu já tive perde até para o meu j3 da Samsung q tem a bateria menor q o fly se eu soubesse disso jamais compraria esse smartphone

  2. Comprei dois Quantum Muv, um para mim e outro para minha esposa. os dois tem bateria ruim, não dura nada. Acho que fiz uma escolha errada por essa marca, apesar de ter escutado bem dela antes de comprar. Os aparelhos são bonitos, leves, mais só isso, estou decepcionado.

  3. Comprei um modelo You L, depois de verificar os comentários sobre a qualidade da marca. O celular é muito bonito, leve, ótima configuração e outras coisas mais. Só não entendi porque a bateria demora 3 longas horas para carregar totalmente! É um absurdo! Nos dias de hoje, com tanta evolução tecnológica e vocês fabricam um celular que demora uma eternidade para carregar! Uma pena…Vou ficar aguardando o lançamento de uma bateria mais moderna, que carregue mais rápido. Estou satisfeito com a aquisição do produto, porém achei que deveria expressar minha insatisfação em relação à bateria.

  4. Boa tarde, faz mais ou menos dois meses que comprei o Quantum Muv up, pois ouvi falar bem deste aparelho e marca, me decepcionei pois numa queda dentro do carro (caiu do painel do chão do carro) acabou trincando a tela. Como pode isso. Será que abro uma reclamação no consumidor.com e na Anatel?

  5. Aparelho legal, apesar de faltar algumas coisas como desbloqueio por toque(da mesma maneira que dá pra bloquear) ou bloquear com digital!! Fora isso só tem uma bateria péssima, comprei o celular no tem nem um mês e ele sempre superaquece e a bateria sempre acaba muito rápido, mesmo usando com mínimo de brilho, fiz o procedimento falado e n resolveu em nada, e a bateria não tem “2 anos” … Quer dizer comprei o produto a pouco, vocês tem uma ótima fala “seu aparelho está te decepcionado, mude para um Quantum”… Enfim, pelos relatos que li o aparelho de vocês não tem muita uniformidade, pois uns nunca deram problema, outros são problemáticos, isso em grande escala para os dois lados, mais para ser bem sincero, preferia meu último smartphone, trocaria meu Quantum por um novo do meu … Que eu usei por 3 anos, sem qualquer tipo de problema, apenas o troquei porque a capacidade de processamento deixou de me atender!!! Ou eu dei o azar de um produto defeituoso ser minha compra, ou o azar de ser uma marca defeituosa, ainda não sei, vou fazer os procedimentos pra resolver meu problema (que se tornou muito maior caso eu tenha que enviar pra um suporte, pois uso o celular pra trabalhar e não posso em hipótese alguma ficar sem um, e no caso vou ter que comprar outro antes de mandar pro suporte) … Até agora tive uma experiência péssima!! É no mínimo frustante comprar um aparelho novo (barato pelo que oferece) e ele não funcionar, é o velho ditado … O barato custa caro!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Blog Meu Quantum tem como objetivo dar aos leitores informações que os ajudem a tirar o máximo de seus smartphones, e não é um espaço de suporte técnico ou atendimento ao cliente. Para reparos, dúvidas sobre o funcionamento de seu smartphone Quantum ou acompanhamento de pedidos, entre em contato com nossa equipe de atendimento. Comentários não relacionados aos temas dos artigos serão excluídos.